Um dos grandes pilares para uma boa imagem renderizada é o material, e por isso, configurar cada um dos acabamentos é fundamental. Mas como fazer isso sem perder uma enormidade de horas em cada projeto? É o que veremos neste conteúdo!

A série sobre render aqui no blog da Gabster tem como objetivo mostrar dicas e sacadas práticas para o seu dia a dia de trabalho e criação de projetos. Nós sabemos que o dia de um arquiteto é cheio de compromissos, visitas em obras e prazos de entrega (às vezes um pouco atrasados, não é mesmo?).

Por isso, as dicas que trazemos neste segundo post da série sobre render (se você ainda não viu o primeiro, clique aqui) são fundamentais para que você consiga produzir imagens bem satisfatórias, sem aquela busca pela perfeição fotográfica, o que geralmente consome um esforço gigante do seu tempo de trabalho.

O exemplo abaixo mostra uma imagem que não exigiu grande esforço com os materiais, mas alguns conceitos importantes foram aplicados para se chegar no resultado satisfatório. Vamos explorar cada conceito a seguir.

SketchUp V-Ray

Primeiro, a qualidade da textura tem que ser boa, de preferência imagens sem emenda (seamless). Você consegue encontrar essas texturas em sites profissionais, facilmente no Google e também no site de alguns fabricantes.

Depois de achar a textura, você deve aplicá-la no SketchUp e ajustar sua posição corretamente nos objetos.

Tome cuidado com o sentido dos veios nos materiais, principalmente em madeiras, esses pequenos detalhes parecem fáceis, mas tem um impacto grande na qualidade final do seu projeto.

Depois de escolher boas texturas, criar e aplicar de forma correta no SketchUp, seu trabalho está praticamente pronto, agora vamos ver como é fácil configurar de forma básica no V-Ray e ter resultados interessantes sem perder muito tempo.

Se você possui uma licença de SketchUp Studio, o V-Ray já faz parte do seu pacote.

👉 Baixe e use em seus projetos 255 blocos SketchUp de 6 grandes marcas: Ceusa, Portinari, Portobello, Officina Portobello, Newline e Rivatti. Clique aqui para baixar.

Passo 1: abra o Asset Editor do V-Ray, neste exemplo utilizamos o V-Ray 5 para SketchUp.
SketchUp V-Ray Editor
Passo 2: dentro do Asset Editor do V-Ray, clique em ‘’Materials’’, selecione o material que deseja na lista, ou com o conta gotas no SketchUp, depois na seta lateral direita, para abrir as opções de configuração do material.
SketchUp V-Ray Couro Croco Preto
Passo 3: todo material possui algum tipo de reflexão na vida real, então é o mínimo que podemos fazer de configuração para que o render tenha certa qualidade.

Veja como fazer: nos três pontos na parte superior direita, você pode mudar a visualização do material e ajustar para o tipo que desejar, nesse caso escolhemos Floor (piso). Na parte inferior, observe que possuem setas ao lado dos parâmetros, clique na seta do item Reflection, observe que novas opções aparecem.

No Item Reflection Color você controla a quantidade de reflexo do material, basta arrastar a barra e ver o resultado na tela de cima. Depois de escolher a quantidade do reflexo, você deve escolher a forma como ele se comporta, no Reflection Glossiness, sendo o valor 1 totalmente polido, acetinado por volta dos 0,7 e fosco por volta de 0,5.

SketchUp V-Ray Refletction

”Passo 4: para materiais lisos, esse processo já é suficiente e atende boa parte dos materiais do projeto, basta um pouco de percepção de como os materiais são na vida real. Caso o material seja rugoso, precisamos aplicar o conceito de Bump, existem formas complexas de criar materiais, chamados de materiais PBR, mas não é o nosso caso nesse artigo, só estamos falando de materiais comuns e práticos para o dia a dia.

Para fazer as ranhuras precisamos de uma imagem dessaturada da textura que usamos, existe uma forma rápida e prática de se fazer isso usando a textura que já utilizamos, sem precisar sair para outros programas. Vamos ver como, abra a aba Diffuse e também a aba Bump e arraste o botão azul    para o mesmo botão do Bump e escolha a opção ”Past as copy” e o ícone ficará azul.

SketchUp V-Ray Generic

Clique com o botão direito sobre o ícone do Bump e selecione a opção ”wrap in” e depois  ”color correction”.

SketchUp V-Ray Generic

Por fim basta ajustar a força dessa ranhura no campo Amount do Bump, nesse caso vamos deixar 0,2 que é um valor ainda forte, mas depende do material que você vai fazer.

SketchUp V-Ray Bump

Observem que essas são dicas básicas para um resultado rápido, se fizer esse ajuste de reflexo e algumas ranhuras nos principais materiais, seu render já terá uma ótima qualidade, como o da imagem no começo do artigo.

Passo 5: Como dica extra, o V-Ray possui uma biblioteca de materiais pronta, é ótima para materiais genéricos como vidros, metais e demais itens. Para acessar, basta clicar na seta no canto esquerdo da tela de materiais, selecionar o material que deseja nas pastas da biblioteca, e com botão direito adicionar o material desejado no seu projeto ou já no objeto selecionado.

SketchUp V-Ray Metal
👉 SketchUp é BIM e você ainda não sabe? Durante muitos anos, lendas e narrativas equivocadas foram criadas sobre o SketchUp, classificando o software como um simples modelador 3D. Essa narrativa existe até hoje, mesmo sem nenhum sentido, e muitos profissionais acabam perdendo a chance de potencializar o seu fluxo de trabalho por puro preconceito e falta de conhecimento sobre tudo o que o SketchUp pode proporcionar. Talvez esse seja o seu caso? Clique aqui e veja como o SketchUp consegue entregar um BIM real, mais prático, acessível com maior alcance e presença.

Sobre a Gabster

Através de uma plataforma que integra designers, arquitetos e especificadores à indústria em geral, a Gabster conecta o design com a manufatura para simplificar a produção de ambientes personalizados. Tecnologia, inovação e processos, fazem da Gabster uma solução única, que através de resultados concretos possibilita o crescimento escalar de seus clientes. Veja os conteúdos da Gabster em vídeo no Youtube.

MAIS CONTEÚDO PARA VOCÊ